Esforço

Não passa na prova quem não estuda.

Não chega a faculdade quem não se forma no colegial.

Não chega ao trabalho quem não é admitido.

Não vive quem não nasce. E não passa para o outro lado quem não se arrisca a pular.

No Encontro de Oração desse sábado avaliamos essas grandes verdades da vida. Elas servem para nos indicar que devemos dar o primeiro passo em tudo o que queremos fazer em nossa vida.

Uma grande verdade e que é um ditado popular diz que: “O sol nasce para todos.” Certo e ponto. Todavia, uma complementação diz também que: “A sombra é para quem procura”

Partindo dessa verdade. Podemos concluir que, a vida que era o mais difícil (e a qual não há vestígio de um humano que se tenha auto chamado a viver) já nos foi dada por Deus, agora é a nossa parte. Cada um de nós precisamos correr atrás do que temos por anseios.

Assim, do mesmo modo, na vida espiritual. Quem quer passar pela quaresma sem esforço não alcança a graça. Quem não fala com Deus, não cria vinculo de amizade, nos cria intimidade e vive a mercê das bênçãos.

É a mesma história do filho que mora na mesma casa que seu pai, e que, no entanto, resolve não falar com o Pai. O filho continua a comer da mesma comida, bebe do mesmo suco e da mesma água, toma banho e utiliza da casa. No entanto, não vive a alegria de fazer parte do todo.

Sendo assim, se queremos viver a intensidade da vida com Deus precisamos nos habituar a estar com Deus, falar com Ele, ir à casa de Deus, mesmo que não estejamos com vontade. O encontro de oração, o grupo de oração, a Santa Missa acontecem mesmo que não estejamos lá. O que prova que não somos nós quem fazemos a graça, nós somos canais da graça.

E são nessas horas que o esforço espiritual e a nossa fé precisam ser postas em práticas. Se tem algo errado conosco é na casa de Deus, o hospital espiritual que vamos ter mais exito em restabelecer o nosso equilíbrio humano.

A bem da verdade, as pessoas vivem crises de identidade, vivem problemas de relacionamento, vivem confusões pelo simples fato de não estarem resolvidas interiormente, e isso acontece quando não há o equilíbrio do corpo e da alma. Se alimentamos o corpo e esquecemos da alma, algo vai ficar estranho, confuso, sem rumo. Aí um dos motivos por que encontramos tantas pessoas frustradas, entristecidas, magoadas, insatisfeitas e sem vida.

Lembre-se: A graça é para todos, mas a conquista é para quem se esforça.

Equipe Mais de Deus

Leia também: