Mae-orandoExistem inúmeras possibilidades através da oração, na verdade eu diria que existe uma infinidade de possibilidades quando uma mãe ou um pai decidem por ser parceiros de Deus no mundo espiritual.

As mulheres são na maioria das vezes mais abertas aos anseios e aos impulsos de Deus que os homens; por isso que, dissemos numa matéria anterior que “Mulheres que oram fazem toda a diferença”. No entanto, esse poder da oração não é bem aproveitado.

Ao longo dos anos dentro do Mais de Deus, pudemos ver o quanto a oração é capaz de alterar cursos errantes e que colocavam pessoas em perigo, sobre isso o apóstolo Tiago relata em sua carta no capitulo 5, verso 16c: “A oração do justo tem grande eficácia.”

Partindo desse pressuposto de grande eficácia da oração do justo, vamos nos atentar a um costume de Jó que está em seu livro no capitulo 1, 5: “Jó mandava chamar seus filhos para purificá-los e, na manhã do dia seguinte, oferecia um holocausto por intenção de cada um deles: porque, dizia ele, talvez meus filhos tenham pecado e amaldiçoado Deus nos seus corações. Assim fazia Jó cada vez.” Notamos que era costume de Jó orar por seus filhos, a palavra costume aqui recebe uma grande significância para mostrar que tal atitude de Jó era corriqueira e ele sabia que muitas vezes, seus filhos podiam ter andado por caminhos errados ou terem tido atitudes improprias.

Baseando-se nesse costume de Jó, é oportuno para toda a mãe aproveitar do momento de sono dos pequeninos para impor sobre eles as suas mãos e os abençoa-los. A oração dedicada por um filho, certamente ressoará como uma agradável fragrância no futuro. As mães podem usar de sua autoridade espiritual e enquanto seu(s) bebe(s) dorme(m) colocarem suas mãos levemente sobre eles e clamarem:

  • Para que Deus cuide dos coraçõezinhos deles,
  • Para que Deus abençoe seus temperamentos e sejam esses conduzidos pelo Espírito Santo,
  • Pedir para que Deus os livre do mal,
  • Pedir proteção em suas amizades,
  • Agradecer por suas vidas, saúde, peraltices, etc…

Lembremos que ao dormir, a criança está sossegada e com isso uma mãe tem todo o tempo para cuidar de sua vida espiritual. Por isso, não percamos a oportunidade de orarmos pelos pequeninos, com muita fé e estrategicamente é oportuno orar agora, perder tempo de sono agora em paz, do que perder tempo no futuro, com medo e temor do que pode estar acontecendo com os filhos já adolescentes ou jovens.

A hora é agora!

Equipe Mais de Deus.

Veja também: