meditation-1350599_640A oração

Podemos dizer que todo dialogo de uma pessoa com Deus constitui uma oração. Todas as vezes que uma pessoa se coloca em oração para uma prece, para um clamor, um agradecimento, ela se encontro com o Deus todo poderoso, o El Shaday (Genesis 28, 3) e Senhor da história. Sendo assim, definimos oração como o encontro da criatura frente ao seu criador e por consequência o contato mais íntimo de um filho com seu Pai. Por sermos criados a imagem e semelhança de Deus (Gênesis 1, 27), a oração manifesta o nosso mais profundo desejo de estar ligado a Deus.

A oração é um impulso do coração (que anseia e que quer se relacionar com Deus) é um simples olhar lançado ao céu, um grito de reconhecimento e amor no meio da provação ou no meio da alegria.” Santa Terezinha do Menino Jesus. E é esse olhar que nos impulsiona ao céu que nos faz admitir quem “um homem sem oração é como uma planta sem água”. (Irmã Maria Catarina). Como a planta precisa ser regada, para não secar, nossa alma também precisa desse impulso com mais intensidade ainda. A oração na vida do homem é como a chuva que cai na terra árida e sequiosa, e que ao cair impulsiona o germinar da semente e o crescimento da planta. É o meio pelo qual Deus se faz jardineiro para regar e cuidar de suas preciosas plantas (nós).

A oração pode se constituir como uma aliança entre Deus e o homem com Cristo Jesus; brota do Espírito e de nós, dirigida para o Pai, em união com a vontade humana do filho de Deus feito homem. (CIC 2564). Ela se constitui como uma comunhão de relacionamento vivo e verdadeiro dos filhos de Deus Pai que é infinitamente bom, com o filho Jesus Cristo e com o Espírito Santo. A oração é cristã enquanto comunhão com Cristo e se estende à igreja que é seu corpo (CIC 2565).

Para que oramos?

Oramos para nos encontrarmos com Deus. A oração é o nosso alimento (abastecimento) espiritual. É pela oração que revigoramos, animamos e adquirimos extraordinária força. O cristão tem o dever de orar para assim alimentar a alma, o que o alimento é para o corpo a oração é para a alma.

Jesus deus o exemplo:

  • “De manhã, tendo se levantado muito antes do amanhecer, ele saiu e foi para um lugar deserto, e ali se pôs em oração”. (São Marcos 1, 35)
  • “Naqueles dias, Jesus retirou-se a uma montanha para rezar, e passou aí toda a noite orando a Deus”. (São Lucas 6, 12)
  • “Conforme o costume, Jesus saiu dali e dirigiu-se para o monte das oliveiras” (São Lucas 22, 39

Aquele que ora invade o impossível, faz história e se aproxima de Deus. E essa convivência que nos faz refletir a graça de Deus, assemelhando-nos a essência de amor que encontramos N’Ele; porque vivemos mais perto de Deus e mais perto D’Ele vivemos muito mais abençoados: “Eu sou a videira; vós os ramos. Quem permanecer em mim e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer” .

Equipe Mais de Deus