manausNa tarde deste domingo, 1º de janeiro, mostra que 2017, chegou chegando. Após a fuga de 87 presos do Instituto Penal Antônio Trindade (IPAT), uma briga de facções deixou 55 mortos no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj).

A unidade penal Anísio Jobim tem capacidade para cerca de 454 detentos e comporta atualmente mais de 1200 homens. Na tarde de domingo, uma briga entre presos ligados ao PCC e Família do Norte acarretou a matança dos presos.

Segundo relatos e imagens postadas no youtube a matança teve esquartejamentos e decapitações.

Sobre a fuga dos detentos, no final da tarde de segunda-feira cerca de 60 fugitivos do IPAT já haviam sido recapturados.

Fonte sites de notícias e youtube.