Taxa Selic cai a 12,25% com o intuito de incentivar a economia brasileira.

financial-crisis-544944_640

Pela 4ª vez consecutiva o Comitê de Política Monetária (COPOM), decidiu pelo corte na taxa de Juros (Selic), que agora está em 12,25% ante 13%; com o corte de 0,75% a taxa de juros se equipara ao índice do começo de 2015.

A queda que já era esperada, vem com uma forte sinalização de queda que deve se concretizar na próxima reunião do Comitê. A taxa que está em queda, tem por objetivo incentivar o consumo e reacender a economia do país já que a inflação se encontra controlada e aponta para queda.

No comunicado do Copom divulgado nesta quarta-feira dizia:

…. No cenário de mercado, as projeções do Copom recuaram para em torno de 4,2% em 2017 e mantiveram-se ao redor de 4,5% para 2018. Esse cenário embute hipótese de trajetória de juros que alcança 9,5% e 9% ao final de 2017 e 2018, respectivamente.

Considerando o cenário básico, o balanço de riscos e o amplo conjunto de informações disponíveis, o Copom decidiu, por unanimidade, pela redução da taxa básica de juros para 12,25% a.a., sem viés….

Veja alguns exemplos que influenciam diretamente na sua vida com a queda da taxa Selic:

  • Aumentar o nível de emprego 
  • Aumentar o investimento das empresas
  • Aumentar o consumo das pessoas
  • Baratear empréstimos e financiamentos
  • Reduzir as prestações na compra de carro
  • Reduzir as prestações na compra de eletrodomésticos da linha branca

Assim, o governo quer aquecer a economia e recolocar a locomotiva Brasil de vilta nos trilhos.

Fonte: BC, sites de notícias

Fotos:pixabay