Uma capela centenária dedicada a Santa Rita, no distrito de Sopa, na cidade de Diamantina, no vale do Jequitinhonha, foi destruída por um incêndio na tarde da última sexta-feira, 04/10.

Foi por volta das 15hs que o fogo teve início, e logo os bombeiros foram chamados. O estrago foi grande, o fogo destruiu toda a capela, deixando apenas as paredes em ruinas. Não se sabia a real situação da estrutura do edifício centenário, mas visto a eminencia de uma queda a área foi interditada.

A capela de Santa Rita passou, há pouco tempo, por uma restauração. “Há uns anos, houve um investimento de restauração e escoramento da igreja e nesse primeiro momento ainda é um incógnita o que possa ter ocasionado. O instituto vai certamente prestar colaboração com o município”, concluiu.

O prefeito de Diamantina, Juscelino Roque (MDB), lamentou o ocorrido e disse que vai procurar esclarecer o que aconteceu. “Lamentamos muito o ocorrido, por se tratar do nosso patrimônio histórico e cultural. Estamos constantemente fazendo investimentos nas da igrejas do Município de Diamantina, na busca de valorizar esse patrimônio cultural da cidade”, disse.

“Fizemos investimentos de restauração nas igrejas do distrito de sopa e na igreja da Luz, em Diamantina. A capela de Santa Rita foi entregue recentemente à comunidade, nós estamos ainda sem saber e procurando esclarecimentos sobre o que aconteceu”, afirmou.

Em nota, o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha) informou que prestará o apoio que for necessário para a recuperação da igreja. “O Iepha-MG solidariza-se com a prefeitura de Diamantina, a Arquidiocese de Diamantina e com a comunidade local, pelo incêndio ocorrido. Manifestamos ainda nosso apoio técnico às ações necessárias para a recuperação desse valioso bem cultural”

Equipe mais de Deus

Fontes: sites de noticias