O que era para ser um plantio de uma, Azinheira, arvore típica de Assis, no dia 04 de outubro (Festividade de São francisco de Assis) na cidade de São Francisco de Assis, tornou se um momento de incomodo para o Papa Francisco que queria consagrou o evento ao Santo católico.

Todavia, não parece que as cosias foram muito bem recebidas pelo Papa, já que aparentemente a cerimonia pareceu tomar outros rumos, contrariando o Papa que ficou evidentemente desconfortável com o ato:

  • 01 – Os índios fizeram uma cerimônia de pajelança, fora do contexto
  • 02 – Tentaram fazer uma roda de dança e Francisco se esquivou
  • 03 – Francisco recebeu 2 anéis de Tucum (Símbolo da Teologia da Libertação) que fora colocado em sua mão, mas que o Papa rapidamente retirou de suas mãos.
  • 04 – O Papa recebeu imagem da mãe terra, símbolo indígena da Amazônia
  • 05 – O Papa recebeu um colar que foi quase que imposto em seu pescoço, mas logo o retirou.
  • 06 – Programado para discursar o Papa, se esquivou do ato de discurso, rezando um Pai Nosso (oração que pede perdão a Deus).

Segundo se pode ser apurado, a REPAM (Rede Pan Amazônica) foi quem preparou o ato liderado pelo Cardeal Dom Claudio Hummes.

Veja o ato realizado nos jardins do vaticano e preste atenção em como se portou o Papa Francisco no evento:

Equipe Mais de Deus