No ano de 2002, muito se falou que Madre Paulina era a primeira Santa brasileira, a frase não é mentirosa, mas precisa ser dita com clareza, Madre Paulina é a primeira santa que viveu no Brasil, veio da Itália, sua terra natal.

Dulce dos pobres, está sim é a primeira Santa nascida em terras brasileiras, que se tem notícias e registros, já que em 15 de outubro de 2017, 5 mulheres brasileiras de identidade desconhecida foram canonizadas entre os 28 mártires de Cunhau e Uruaçu.

Confira esse relato na matéria: “SANTOS: Relação de brasileiros e pessoas enviadas ao Brasil que foram canonizados

Maria Rita de Souza Brito Lopes Pontes, conhecida como irmã Dulce, o anjo bom da Bahia, agora deve ser reconhecida pela Santa Dulce dos Pobres, por suas ações de caridade e amor para com os pobres de Salvador.

Provavelmente quando você estiver lendo esta matéria, a canonização da santa que nasceu no brasil já tenha sido consumada (a missa de canonização se deu no dia 13/10/2019, as 5hs de Brasília, diretamente do Vaticano)

Entre suas proezas que lhe garantiram a santidade estão os fatos de:

  • Ter erguido um hospital a partir de um galinheiro,  
  • Ter cuidado de inúmeras pessoas da periferia de Salvador,
  • Ter sido humilhada para garantir dignidade aos pobres,
  • Ter sido toda para Jesus.

Certamente a Santa dos pobres será intercessora dos pobres, dos menos favorecidos e de todos aqueles que quiserem empreender algo em favor dos mais necessitados.

Assim, a Bahia e todo o Brasil está em Festa:

  • 13/10 – Canonização de Irmã Dulce,
  • 13/10 – Inauguração da Paroquia de Santa Dulce dos Pobres,
  • 13/10 – Inauguração do Santuário de Santa Dulce dos Pobres,
  • 20/10 – Santa Missa em honra a Santa Dulce dos Pobres, na arena Fonte Nova, o evento contará com apresentações teatrais religiosas e shows cristãos.

Que ao olhar para Dulce, cada um de nós possa, se inspirar no amor e na solidariedade pelos mais necessitados (crianças, jovens e adultos) e que cada um posso entender que os pobres e todos os necessitados precisam ser acolhidos e amparados, além do dia das crianças e do natal, mas sempre.

Lembrando que a festa litúrgica de Santa Dulce dos Pobres será no dia 13 de agosto

Santa Dulce dos Pobres Rogai por nós!

Leia também: