O Equador não vive os seus melhores dias. O pais vive um caos instaurado desde que o presidente de esquerda Lenin Moreno, percebeu que não dava mais para manter o pais como o seu antecessor Rafael Correa, o qual o presidente atual acusa de tentar um golpe.

Os protestos tiveram início quando o governo retirou os subsídios sobre os combustíveis, num acordo feito com FMI. Isso, foi o estopim para que vários setores entraram em greve e começaram os protestos.

Se não bastasse isso, várias marchas estão sendo organizadas para a capital institucional do pais, Quito. No entanto, o pais está sendo governado a partir de Quayaquil, onde o presidente está desde que transferiu a capital e a sede do governo.

Algumas estradas estão fechadas, o que provoca a falta de combustíveis e alguns produtos no interior do pais.

Protestos e saques

Uma onda de saques está levando a população ao pânico nas cidades do pais. No vídeo a seguir é possível ver pessoas, na maioria jovens saqueado e confrontando a polícia; bem como, pessoas que comentam os acontecidos com voz de insegurança e medo.

No vídeo abaixo você pode ver cenas do que está acontecendo no Equador

Entre algumas reivindicações

  • Autodeterminação das regiões indígenas
  • Volta dos subsídios dos combustíveis

Mais de 500 pessoas foram presas desde que os protestos tiveram início no dia 03 de outubro.

Equipe Mais de Deus