Orar-pelo-filhoJá era madrugada de 20/02/18, quando o senhor começou a me chamar a atenção para o grande fluxo de visualizações da matéria “Mulheres que oram fazem toda a diferença”, (Mais de 4.000 visualizações); e também “A oração de uma Mãe pode transformar a vida de seus filhos”. Assim, fui impulsionado a começar a escrever um novo texto, mais completo do que o anterior: “Mães que oram fazem toda a diferença”. Vamos ler!

Agora vamos falar do poder intercessor de uma mãe. A exemplo de Santa Monica, que orou pela conversão de seu filho e de Jó que abençoava todos os seus ‘rebentos’. Hoje queremos falar sobre as mães intercessoras que não sessam de clamar junto a Deus.

Nos dias atuais é comum vermos que muitos problemas da sociedade envolvem adolescentes e jovens, sendo comum vê-los envolvidos em badernas, uso de drogas, brigas e o pior alguns até mesmo em massacres como aconteceu na escola americana da florida (17 mortos em escola americana após ataque a colégio por ex-aluno de 19 anos.)

E o pior com a falta de valores na sociedade, e a introdução dos meios digitais na vida de nossas crianças, os pré-adolescentes também já estão pulando etapas da vida e em muitos casos trazendo uma ‘baita’ dor de cabeça para os pais.

Talvez para muitos antiquadas ou por conta da apostasia que já vem tomando conta de nossa sociedade outrora cristã, a oração pode ser o fator diferencial para as famílias virarem o jogo. Assim, se a prevenção é o melhor remédio já é mais que a hora dos pais se unirem em oração agora para não chorarem o terço e reza ‘derramada’ no futuro.

Assim, é importante estar atento para os seguintes tópicos:

  • A oração maternal ainda no ventre ajuda a gerar um caráter cristão e harmonioso na vida do bebe,
  • A oração diária no berço, além de acalmar as crianças levanta uma barreira espiritual sobre os filhos,
  • A oração na casa faz com que a barreira se estenda por todo o lar,
  • Ao impor as mãos sobre um filho, mesmo que seja enquanto dorme, uma mãe está determinando espiritualmente bênçãos sobre o filho, semeando assim frutos harmoniosos do espirito a serem colhidos no futuro,
  • A mãe que separa um determinado momento do dia para ficar a sós com Deus, tem a possibilidade de influenciar e declarar bênçãos poderosas sobre o futuro dos seus rebentos,
  • Uma mãe que gasta tempo orando durante a infância do seu filho, quer seja durante o dia ou durante a madrugada, certamente terá menos probabilidade de perder suas noites com preocupações sobre a vida e a conduta dos seus filhos.
  • Para uma mãe, filho não tem idade, então enquanto viva, a mãe que semear bênçãos aos seus filhos através da oração e da instrução cristã com sabedoria não se decepcionara, pois, o senhor disse: “Ensina a criança o caminho que deve andar e mesmo quando for velho, não se desviará dele”(Provérbios 22, 6)

 

Como estamos vivendo tempos difíceis as crianças certamente estarão sujeitas no dia a dia aos frutos da carne narrados em Gálatas 5, 19-21:  “fornicação, impureza, libertinagem, 20.idolatria, superstição, inimizades, brigas, ciúmes, ódio, ambição, discórdias, partidos, 21.invejas, bebedeiras, orgias e outras coisas semelhantes”. Todavia se estiverem repletas de boas influencias, encaminhadas na vida cristã e protegidas espiritualmente por sua mãe a os frutos do espirito descritos em Gálatas 5, 22-23: “caridade, alegria, paz, paciência, afabilidade, bondade, fidelidade, 23.brandura, temperança,” irão aflorar e crescer significativamente na vida da criança e assim, tenderão a ser adolescentes e jovens moldados na graça e no Espirito Santo.

IMPORTANTE:

Cada mãe precisa entender que estamos vivendo em tempos difíceis, onde uma gigantesca guerra espiritual está sendo travada dia a dia, hora a hora, minuto a minuto; assim a arma a ser usada é a ORAÇÃO.

Vigiai

Veja também: