Neste domingo 07/10, o brasileiro vai fazer valer o seu direito de voto e participar do processo eleitoral que se julga o mais democrático: o voto!

Em todo o pais, o povo vai eleger os mandatários do executivo dos Estados e o Chefe da Nação, bem como senadores e deputados federais e estaduais.

Mas essa eleição é diferente, existe um embate entre direita e esquerda jamais visto desde que o pais deixou de lado a ditadura militar e assumiu a democracia em excelência.

Nesta eleição vemos pela primeira vez uma disputa ideológica entre a direita e esquerda:

  DIREITA CENTRO DIREITA ESQUERDA CENTRO ESQUERDA
 ESTILO Conservadora,

 

Tende a ser conservador Liberal É uma esquerda light
O QUE DEFENDEM Defensora da boa moral e, capitaneada em sua Até defende a boa moral, mas não se assume Defende conceito que julga importantes sem se preocupar com a mora e costumes É a esquerda light que tenta ser liberalista mas em doses homeopáticas

 

CRENÇAS Maioria dos candidatos são ligados a alguma religião São na maioria cristãos ou ligados a crenças com mais flexibilidade Muitos candidatos se dizem ateus e combatem as religiões Maioria dos candidatos são cristãos, mas fazem o seu cristianismo
         

 

Nunca antes, vimos uma polarização de ideias e pensamentos voltados a esquerda ou a direita como estamos vendo nessa eleição. Independente de que chegue ao segundo turno ou ao palácio do planalto, está sem dúvida tende a ser a eleição mais disputada no campo dos ideias.

Ate então, a polarização PT versus PSDB, era sem dúvida de duas esquerdas:

  • A do PT, mais antagônica e condizente com os ideais comunistas representada pelo “Foro de São Paulo” e
  • A do PSDB, um social democracia que no fundo é uma esquerda light mas que “camalea” como se fosse uma direita, também light.

Equipe Mais de Deus