RCC-50No próximo dia 31de maio, enfim a RCC estará de forma mais efusiva comemorando o seu jubileu… Graças a Deus, Aleluia, Aleluia!

O movimento que nasceu mais precisamente no dia 18 de fevereiro de 1967, num retiro de jovens católicos, da Universidade do Espírito Santo de Duquesne e que eram acompanhados por membros da comunidade presbiteriana americana, ainda não comemorou de forma adequada a data em que está vivendo o seu Jubileu de Ouro.

Sim a Renovação Carismática Católica, ainda que não tão festejada está comemorando 50 anos e nem parece que “A Renovação Carismática foi a cereja do bolo num século do Espírito Santo”. (Matéria publicada em nossa página no dia 19/02/2017)

Papa-Francisco-5Esta grande festa jubilar que acontecerá na Itália, nasceu do coração do Papa Francisco, que solicitou, ainda em 2014, que fosse preparado “um jubileu que fosse o mais inclusivo possível”; sendo assim, as comemorações terão início com a Audiência Geral com o Papa Francisco, no dia 31/05 e prosseguirão até o domingo de Pentecostes, que o mesmo também presidirá a celebração na praça de São Pedro. Para estas comemorações, Francisco solicitou aos membros do Conselho mundial que membros de igrejas evangélicas e pentecostais fossem convidadas.

Nesses 5 dias de ‘celebração’, estão sendo preparados encontros, simpósios, laboratórios e celebrações que acontecerão em várias basílicas e igrejas da cidade de Roma. Na véspera do dia de Pentecostes, está programada uma grande vigília que acontecerá no ‘Circo Massimo’ (localizado próximo ao Coliseu). Um grande evento, para celebrar a manifestação poderosa do Espirito Santo no meio Católico, que através da “Renovação Carismática Católica comemora 50 anos em 2017”. (Matéria publicada em 15 de janeiro de 2017)

Quem sabe assim, os carismáticos se sintam impulsionados a mostrarem a sua cara, já que até agora nas terras de Santa Cruz, onde estão uma grande fatia, se não a maior dos cerca de 110 milhões de membros do movimento, as comemorações parecem ter ficado restritas à alguns eventos, logotipos e pregações. O que em nada elucida a inclusão solicitada pelo Papa Francisco, mas que mostram comemorações esporádicas e exclusivas, restrita a pequenos grupos. Muito aquém do que foi o advento de 1967.

Leia também:

Ricardo Mari e Equipe Mais de Deus.