O Brasil não presta mesmo, ‘eita’ país de corruptos!

Dinheiro no bolsoNos últimos três anos, desde 2013, temos ouvidos nos mais diversos noticiários do pais, quer seja em TV, rádio, Jornal ou Internet, uma avalanche nunca jamais vista de assuntos referentes a corrupção. São tantas pessoas envolvidas, que o descrédito e a revolta estão como que ligados ao oxigênio

Vimos tantos descasos com o dinheiro público que nos irritamos e nos revoltamos de tal forma que muitas vezes proferimos palavras cheias de revolta e maldição.

Talvez você já tenha ouvido alguém fazer o comentário ou até mesmo feito o comentário: O Brasil não presta mesmo, ‘eita’ país de corruptos!

Ou ainda, talvez tenha ouvido coisas piores como: Paizinho de m…..! ou País de vagabundos!

Ainda que generalizada e que propriamente não signifique uma verdade, todas as vezes que colocamos esse termo em nossos lábios estamos nos colocando no mesmo patamar dos que são corruptos e fazendo da nação um lugar onde todos são corruptos.

Não podemos nos conformar com a situação generalizada em nosso pais, o próprio senhor no diz em romanos 12, 2 “Não vos conformeis com este mundo”

Em filipenses 2,15 Deus através de Paulo nos exorta “que vos torneis puros e irrepreensíveis, filhos de Deus inculpáveis, vivendo em um mundo corrompido e perverso, no qual resplandeceis como grandes astros no universo”.

Não podemos sucumbir nem nos amoldar com o sistema corrupto enraizado em nosso país, todavia devemos ser luz em meio as trevas, onde somos chamados a vivermos uma vida cristã.

E o que de cristão teremos em nós, se amaldiçoarmos nossas casas através de murmurações?

Que imagem de Cristo se refletirá em nós se pelas murmurações amaldiçoarmos nosso pais e as pessoas que nele moram? Será que não moramos aqui?

Não podemos nos esquecer que o murmúrio é como uma oração a satanás e que o louvor é um ato de confiança no Deus que tudo pode fazer.

Em tempo, murmuração e inconformismo tem diferença na escrita, no ensejo e na ação social e principalmente espiritual. Pense nisso!